Cantor Devinho Novaes é detido por participar de festa e descumprir restrições na Zona Sul de Aracaju


O cantor Devinho Novaes e outras três pessoas foram detidas na madrugada desta sexta-feira (4), pela Polícia Militar, por participar de uma festa, descumprindo medidas de restrições estaduais, em virtude da pandemia do novo coronavírus, e promovendo perturbação do sossego no Bairro Aruana, Zona Sul de Aracaju.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o grupo consumia bebidas alcoólicas e usava som de mala de carro. Houve resistência dos envolvidos e foi solicitado apoio de outras equipes policiais.

Ainda segundo a SSP, um deles se exaltou e enfrentou os agentes, que fizeram um disparo de munição não letal e uso de algemas. Um dos envolvidos foi imobilizado e conduzido para atendimento médico no Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho (Huse). 

Devinho assinou um termo e foi liberado em seguida. A SSP não informou quantas pessoas havia no evento. 

Em nota, a assessoria de comunicação do cantor disse que ele foi convidado para comemorar o aniversário de um amigo perto da sua casa com cerca de 20 pessoas. Logo após sua chegada, teria sido surpreendido pela polícia. O texto ainda informa que Devinho respeitou e colaborou com o trabalho dos agentes e assinou a advertência, se comprometendo a não participar de eventos. 

“O cantor já está em casa desde o início da madrugada e pede desculpas ao público pelo ocorrido. Como artista tem a responsabilidade de seguir os decretos governamentais e incentivar seus fãs”, diz a nota.

Por G1

0/Faça seu Comentário/Comments

Publicidade

Publicidade