PRF realiza mais uma etapa da Operação Acidente Zero, em Sr. do Bonfim


Entre os dias 07 e 09 de março, a Delegacia da PRF em Senhor do Bonfim contou com reforço nas equipes e concentrou seu efetivo no patrulhamento ostensivo e preventivo em mais uma etapa de fiscalização de trânsito da Operação Acidente Zero.

Para prevenir a ocorrência de acidentes, possíveis irregularidades no trânsito, cometimentos de crimes, a PRF vem realizando a operação temática ‘Acidente Zero’, com foco no policiamento orientado em locais e horários de maior incidência de acidentes graves e de criminalidade.

Para isso, os agentes federais ficaram estrategicamente concentrados e posicionados em trechos da BR 407. Durante os 3 dias de Operação, foram intensificadas a fiscalização de ultrapassagem proibida, embriaguez ao volante, excesso de peso, descumprimento da jornada de trabalho e descanso de condutores de veículos pesados, condutas tidas como causadoras de acidentes graves e muitas vezes fatais.

Em três dias de fiscalização, os agentes emitiram 262 autos de infração. 501 veículos foram fiscalizados com abordagem e 592 pessoas tiveram seus documentos consultados. Das multas extraídas, 46 condutores foram flagrados realizando ultrapassagem proibida. A equipe também emitiu 19 autos de infração para condutor ou passageiro sem o cinto de segurança e 38 veículos recolhidos ao pátio por apresentarem irregularidades impossíveis de serem sanadas no local ou por comprometerem a segurança dos usuários da rodovia.

Embriaguez ao volante também foi alvo de fiscalização da PRF. Durante as atividades foram realizados 343 testes com o etilômetro (bafômetro) e 09 motoristas foram autuados, por recusa ou por constatação. Eles tiveram suas carteiras de motorista recolhidas e pagarão multa no valor de R$ 2.934,70, além de render 7 pontos na carteira (CNH).

A PRF alerta que mantém fiscalização rigorosa nos mais de 10.000 quilômetros de rodovias que cortam o estado da Bahia, com foco a combater as possíveis irregularidades no trânsito como ultrapassagens proibidas e a embriaguez ao volante, infrações tidas como causadoras de acidentes graves e muitas vezes fatais. Fiscalizações específicas em veículos de carga e motocicletas, também são realizadas com frequência nas estradas.

A PRF reforça que o condutor deve manter atenção constante ao trafegar no trânsito. Muitos são os fatores que podem contribuir para acidentes graves e muitas vezes fatais. Um segundo de desatenção é o suficiente para acarretar graves consequências para condutores, passageiros e pedestres.

Para informações, denúncias, comunicação de crimes e acidentes a PRF dispõe do número de emergência 191. A ligação é gratuita e atende 24 horas em qualquer parte do País.

Nucom PRF-BA

0/Faça seu Comentário/Comments

Publicidade

Publicidade