Seja muito Bem Vindo(a) ao Maior Portal de Notícias do interior do Estado da Bahia  Jaguarari-BAHIA,

segunda-feira, 25 de julho de 2016

EAF JAGUARARI SE DESTACA MAIS UMA VEZ NA MAIOR COMPETIÇÃO ESTUDANTIL DA BAHIA

Com um total de 19 medalhas conquistadas nas categorias 12 a 14 e 15 a 17 anos, sendo 11 de ouro 07 de prata e uma de bronze, além da garantia de convocados para o selecionado baiano que irá a joão pessoa nos meses de setembro e novembro, a Escolinha de Atletismo Flamengo realizou mais um dos seus feitos impressionantes. É que este ano a superintendência dos esportes na Bahia, orgão responsável pela realização dos jogos dentro do estado e que coordena a viagem para o nacional, instituiu índices equivalentes à 12ª melhor marca do Brasil para a categoria 15 a 17 anos. E o que parecia muito impossível para alguns e difícil para muitos, foi encarado como mais um desafio para os atletas deste povoado, chamado Flamengo, que não se cansa de provar seu talento, diante da oportunidade e de sua capacidade infinita de superação.

Na categoria 12 a 14 anos feminino Maria Heloísa foi a vice-campeã dos 75 metros rasos, Emanuela Santos foi a campeã dos 250, Jane Alves e Gabriela Santos fizeram dobradinha nos 1.000 metros rasos e finalmente, Railane Santos foi a vice-campeã do lançamento do dardo. No masculino Eduardo Hermínio venceu os 1.000 metros rasos. Na categoria 15 a 17 anos, além de ficar em terceiro lugar no lançamento do dardo.

Na categoria 15 a 17 anos os atletas da EAF dominaram amplamente a competição vencendo várias provas e conquistando índice com quase todos os atletas presentes.

Na categoria feminino a atleta Saionara venceu os 100 metros rasos e o lançamento do disco, conseguindo o índice nesta última prova. Priscila Lima Almeida venceu os 400 metros rasos e o lançamento do dardo, também conquistando o índice nesta última. Náviny Ferreira venceu os 800 metros rasos , com índice e ficou em segundo nos 400. Sua irmã ticiane ferreira venceu o salto em altura, com índice e ficou em terceiro nos 800 metros rasos. Railane Batista venceu os 3.000 metros rasos estabelecendo o índice exigido, seguida de Erivânia Cruz que também obteve o índice e ficou em segundo no salto em distância.

Na categoria masculino Alessandro Ferreira venceu o lançamento do dardo e os 3.000 metros rasos, conseguindo o índice exigido para viajar a João Pessoa-PB, em novembro. Seu colega Lucas da Silva ficou em segundo lugar nesta prova. Eduardo Brito venceu os 800 metros rasos e ficou em segundo no salto em distância, enquanto que Jonatha de Jesus ficou em segundo nos 800 e repetiu a façanha no salto em altura.

Informações EAF

0 comentários:

Postar um comentário

Não há suporte a flash!