Estado divulga resultado provisório da 1ª etapa do concurso público para professor e coordenador pedagógico

O Governo do Estado divulgou, no Diário Oficial deste sábado (24), o resultado provisório da 1ª Etapa do concurso público para contratação de professores e coordenadores pedagógicos, da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Dos 103.592 inscritos, 41.404 foram habilitados - sendo 195 candidatos com deficiência e 11.977 declarados negros. Os habilitados concorrerão entre si, nas etapas subsequentes, para ingresso em uma das 3.096 vagas de professor e 664 de coordenador pedagógico. O resultado está disponível no Portal do Servidor, no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora do certame, e no site da Secretaria da Educação do Estado.

Realizado conjuntamente pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Educação, o certame ocorreu no dia 25 de fevereiro, em todo o estado. No dia 13 de abril, deverão ser divulgados os resultados final da prova objetiva e provisório da prova discursiva. Os aprovados nestas duas etapas serão convocados, via edital, a ser publicado no mesmo dia, no Diário Oficial do Estado, para a prova de títulos. O resultado final está programado para o dia 12 de junho.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, destaca que o objetivo principal do concurso é fortalecer a Educação pública na Bahia. “Realizar este concurso foi um desafio assumido pelo governador Rui Costa, mesmo em um cenário econômico nacional ruim. Com isso, vamos fortalecer o eixo pedagógico com coordenadores pedagógicos em todas as escolas e ampliar o quadro de professores efetivos, promovendo, inclusive, esta renovação na rede, uma vez que estamos concedendo muitos pedidos de aposentadoria”, diz. 

Mais de 91 mil educadores realizaram as provas do concurso, aplicadas no dia 25/02, o que corresponde a 88% do total de inscritos. A avaliação aconteceu em 28 municípios da Bahia, abrangendo todos os Territórios de Identidade. 

As vagas para professor são nas áreas de Arte, Biologia, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Língua Inglesa, Língua Portuguesa, Matemática, Química e Sociologia, sendo exigida formação específica e diploma concedido por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Para coordenador pedagógico é exigida formação em Pedagogia, também com reconhecimento do MEC. Em todos os casos, a carga horária semanal é de 40 horas.



Assessoria de Comunicação - ASCOM
Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Nenhum comentário