Publicidade

publicidade

http://uauhost.com.br http://uauhost.com.br Olá! Seja bem Vindo(a) ao Maior Portal de Notícias do interior do Estado da Bahia. Você bem Informado...  Jaguarari-BAHIA,

Jogos Escolares da Juventude: Bahia, definitivamente se torna uma força no espetacular ATLETISMO.

Os números e a linha de tempo que a ESCOLINHA DE ATLETISMO FLAMENGO traçou e protagonizou comprovam a afirmação titular.

Janeiro de 2004: Professor Antonio Ferreira Bonfim Filho , torcedor do VASCO , cursando o 5º semestre de Comunicação Social na UNEB - Universidade Estadual da Bahia , resolve , a pedido da filha Náviny Bonfim , de 06 anos , abandonar o seu sonho para viver o sonho de sua filha em se tornar atleta do espetacular ATLETISMO.

Janeiro de 2005: A pedido da filha várias crianças se juntam a Náviny e nasce a ESCOLINHA DE ATLETISMO inicialmente batizada de CRUZ DO CORDEIRO , para homenagear dois grandes ídolos olímpicos , Joaquim Cruz e Vanderlei Cordeiro , logo depois renomeada com o nome do povoado.

Abril de 2008: Já com muitos alunos a EAF começa a participar de corridas infantis e chamar a atenção para resultados significativos e domínio da arte de corrrer.

Janeiro de 2009: Planejamento da EAF já se torna audacioso com , Náviny com 10 anos vence uma prova regional importante e conhece o grande visionário da região no trabalho de popularização da modalidade , Professor Marciano Barros que recomenda os Jogos Escolares e se coloca á disposição para ajudar nos treinamentos. Começam também os diálogos com a FBA - Federação Bahiana de Atletismo , através do seu Presidente Og Robson de Menezes Chagas , para participação das crianças no calendário baiano de pista , e este coloca á disposição todo o seu vasto conhecimento e apoio , indicando o Clube AASF - Associação Atlética Simõesfilho par filiação dos atletas que começam a se destacar.

Janeiro de 2010: O espetacular Atletismo se torna esporte número um no Povado de nome forte chamado Flamengo , num país dominado completamente pelo futebol.

Janeiro de 2011: Ano emblemático , pois várias crianças atingem idade para participarem da Seletiva Baiana dos Jogos Escolares da Juventude , principalmente Náviny que já figurou em diversas matérias na mídia e se tornou figura conhecidíssima na região por conseguir resultados surpreendentes em corridas de rua. Ela e mais três colegas se classificam para a Etapa de João Pessoa e outros três viajam para Curitiba 15 a 17 anos. Também nesse ano a Superintendência dos Desportos da Bahia constrói uma pista de atletismo em pó de brita , aposta ousada do hoje Deputado Bobô.
Janeiro de 2012: A EAF coloca em seu planejamento a participação do dobro de classificados nos Jogos Escolares e ousadamente o avanço às finais em provas de meio fundo. Isso acontece com Náviny ficando em oitavo lugar nos 1.000 metros rasos , perfazendo um tempo de sonhos (3:16)
Nas competições estaduais de base os atletas da EAF/AASF dominam completamente as provas de meio fundo , evoluindo em provas de salto , lançamento e arremessos.

Janeiro de 2013: A Escolinha coloca em seu planejamento a conquista de sua primeira e tão sonhada medalha , baseada na quantidade e qualidade da centena de atletas que ocupam o seu espaço improvisado e seus materiais reciclados utilizados nos treinamentos.

Nos Jogos Escolares 12 a 14 anos duas atletas avançam á final dos 1.000 metros , mas a medalha não vem. Porém o Diretor dos Jogos Edgar Antonio Hubner , conhece o trabalho da Escola de Produção com o espetacular ATLETISMO e resolve ajudar , enviando materiais e conversando com seu amigo Luciano Hulk sobre mais ajudas para o professor maluco.

Janeiro de 2014: O ano sensacional já começa com a participação no quadro "Um Por Todos , Todos Por Um" do Caldeirão do Hulk , domínio total das competições de pista no primeiro semestre e a conquista da primeira medalha , pelo atleta Alessando Bonfim , irmão de Náviny que foi o terceiro nos 1.000 metros rasos.

Janeiro de 2015: O projeto prevê mais uma medalha e outros avanços na qualidade do trabalho para formar atletas e socializar os demais. Erivãnia se torna campeã brasileira na Copa Brasil de Marcha , Railane Batista conquista medalha de bronze em Maringá , nos 3.000 metros rasos , várias medalhas em competições regionais e a certeza de o trabalho que antes tinha tantas incertezas começa a ganhar consistência.

Janeiro de 2016: Planejamento audacioso com participações em Jogos Escolares , competições regionais e nacionais. Railane se torna campeã brasileira em João Pessoa - PB , na prova dos 3.000 metros rasos , Alessandro fica em quarto lugar na maior competição SUB 16 , obtendo a melhor marca de todos os tempos para os 1.000 metros entre todos os estados do Norte Nordeste (2:38:05).

Janeiro de 2017: Domínio total nas competições estaduais realizadas no primeiro semestre , muitos atletas figurando no ranking nacional grande participação no Campeonato Brasileiro SUB 20 em São Bernardo do Campo - SP , com a medalha de prata de Ticiane Bonfim , na prova dos 3.000 metros com obstáculos (11:42) , índice para o Troféu Brasil , maior competição adulta do atletismo nacional. No Campeonato Brasileiro SUB 18 Ticiane e seu irmão gêmeo Alessandro conquistam prata nos 2.000 metros com obstáculos , colocando de vez o projeto entre os melhores que desenvolvem a modalidade em todo o país e recolocando a Bahia no patamar que ela já estivera em anos anterirores.
Ticiane Bonfim faz história sendo convocada para a Seleção Brasileira SUB 18 que vai ao Sulamericano da Juventude no Chile é mais uma meta alcançada , mas que estava prevista pra acontecer somente em 2018.

Agora nos Jogos Escolares da Juventude em Curitiba 12 a 14 anos a atleta de Itacaré , moradora do povoado de Taboquinhas Évila Michelle , treinada pelo policial militar Tiago Macel , conquista medalha de prata na prova dos 1.000 metros rasos , ratificando também uma previsão de sido que a modalidade tem sido desenvolvida em outras cidades , mas com muita influência do trabalho feito em Jaguarari.

O ano ainda não acabou e para Brasília 15 a 17 anos a EAF prevê a conquista de mais uma medalha , Ticiane Bonfim viaja para Santiago dia 26 de setembro , e antes de tudo isso acontece o Brasileiro SUB 16 em Fortaleza - CE , com participação da Escolinha de Atletismo Flamengo que mesmo estando localizada num povoado de apenas 1.500 habitantes , tem nos seus objetivos formar um atleta olímpico contradizendo uma previsão de que só surge um deles num contingente de 1.000.000 de pessoas.

EAF

Nenhum comentário