Jaguarari: FPM (Fundo de Participação dos Municípios) de Jaguarari aumentou em 10,58%, mas o prefeito, Everton Rocha(PSDB), diz que caiu 20%.

Em duas emissoras de rádio, Rainha FM (Sr. do Bonfim) e Liderança FM (Jaguarari), o gestor municipal, na tarde desta segunda-feira (18), tentou de todos os argumentos possíveis, explicar a farsa da queda do FPM, ao ser questionado, na 97,3 sobre matéria do blog Jaguarari Online, que de forma exclusiva, noticiou a estratégia do gestor em demitir aproximadamente 400 funcionários. Sob o pretexto de crise financeira e da redução de 20% do FPM, o prefeito argumentou que contratou uma empresa de assessoria e gestão de recursos humanos (e lá se vão mais despesas) que, segundo ele, avaliará a necessidade de demissões e a quantidade de funcionários que serão demitidos, embora não tenha mencionado a indispensável redução de despesas desnecessárias. Já na 103,3, o prefeito usou os mesmos argumentos da emissora bonfinense e acrescentou que o blog estaria “tentando adivinhar” o que acontecerá nesse sentido.

Em pesquisa no site do Banco do Brasil, identifica-se que de janeiro a agosto de 2016, comparado com o mesmo período de 2017, houve aumento de 10,58% no FPM e não redução de 20%, como declarou o prefeito Everton Rocha, às emissoras de rádio. Notadamente, o gestor só pode ter se confundido com as informações ou não tem conhecimento do que afirma ou está tentando convencer a população de que se faz necessário enxugar a folha de pagamento.

Jaguarari Online

Nenhum comentário