SITE EM MANUTENÇÃO

Publicidade

publicidade

www.leomagalhaes.com.br Olá! Seja bem Vindo(a) ao Maior Portal de Notícias do interior do Estado da Bahia. Você fica bem Informado  Jaguarari-BAHIA,

Juazeiro: Justiça suspende liminar, e Democratas segue na coligação de Charles Leão‏

 
Na tarde desta segunda-feira, 05, o Tribunal de Justiça da Bahia suspendeu a liminar assinada pelo juiz de direito Ednaldo da Fonseca que anulava a convenção do Democratas (DEM) de Juazeiro. O encontro homologou no último dia 05 de agosto, os candidatos a vereadores da legenda e, seguindo um encaminhamento da direção estadual, capitaneada pelo deputado federal Aleluia e pelo prefeito de Salvador, ACM Neto, compôs a coligação liderada por Charles Leão (PPS).

Márcio Jandir, vice-presidente da agremiação, assegura que o partido continuará compondo a coligação “Juazeiro no Coração” – PPS/PSDB/DEM. “A justiça vai manter as decisões da convenção, pois tudo foi feito obedecendo aos critérios eleitorais e ao estatuto do DEM, com regularidade e normalidade”, garante.

Com a decisão, os que pleiteiam uma vaga na Câmara de Vereadores da cidade pelo DEM continuam com suas candidaturas garantidas e o tempo de TV referente à legenda para o guia eleitoral da majoritária não será subtraído. “Vamos continuar trilhando o caminho da esperança, das novas ideias e de um futuro melhor para nossa terra. Nada vai atrapalhar a turma do ‘bem’”, pontua.

Jandir ressalta, porém, que os membros da legenda, autores da representação derrotada, possam fazer uma reflexão e possam deixar o partido. “Queremos oportunizar as pessoas insatisfeitas com a decisão da maioria, chancelada pela direção estadual, que possam deixar a agremiação, o que impedirá, eventualmente, de enfrentar um processo disciplinar, pois tudo foi feito dentro da legalidade. A decisão de seguir com Charles e Suzana foi debatida por todos e não podemos aceitar que essa decisão seja questionada por membros que, se quer, estão sendo leais às posições do partido e esse enfileirado contrários”, comenta.

Por fim, Jandir afirmou que “partido é uma organização que se junta para defender ideias comuns, se os seus ideais já não são comuns ao partido, você tem que deixar o partido e procurar o que é comum ao que você pensa”, concluiu.

Assessoria de Comunicação e Imprensa
Márcio Jandir

Nenhum comentário